Warning: implode(): Invalid arguments passed in /home/maeintegral/public_html/wp-content/mu-plugins/endurance-page-cache.php on line 463

Warning: implode(): Invalid arguments passed in /home/maeintegral/public_html/wp-content/mu-plugins/endurance-page-cache.php on line 463

Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/maeintegral/public_html/wp-content/mu-plugins/endurance-page-cache.php:463) in /home/maeintegral/public_html/wp-content/plugins/wp-super-cache/wp-cache-phase2.php on line 60
O que é uma menina? – Mãe Integral

O que é uma menina?

Quem lembra do texto “O que é um menino”? Pois esse também tem uma receitinha linda sobre meninas.

Muita atenção que vou dar uma receita de menina.

Para se fazer uma menina, toma-se uma xícara de felicidade, dois botões azuis, pétalas de rosa, um pouco de glacê, um punhadinho de areia, três conchinhas róseas, uma colherada de imaginação. Acrescente-se também um pouquinho de sal e muito açúcar e mel, uma casquinha de sorvete, o dengo de um gatinho novo e três gotinhas de perfume.

Não esquecer de um espelhinho prateado, pois é uma menina e, antes de tudo, mulher, e logicamente vaidosa.
É importante acrescentar uma borboleta amarela, muita inocência e um dedinho com band-aid.

Recolha com cuidado uma gotinha de orvalho, o brilho de uma jóia, todos os matizes de um quadro de Renoir, uma pitada de sonho e muito carinho.

Consiga um pouco daquela brisa do mar, uma colherinha da luz das estrelas, um sorriso inesperado, o ruído de uma onda na praia e deixe tudo isso ao luar.

Misture tudo e acrescente muita ternura e amor, um pouco de teimosia e muita curiosidade, uma lágrima e duas asinhas de beija-flor.

É assim que são feitas as meninas.
São as coisinhas mais lindas que existem na terra, são muito frágeis e ao mesmo tempo fortes e resistentes.

Com apenas uma lágrima comovem o mais duro dos corações pois ninguém resiste a um pedido acompanhado de um beijo molhado.

Uma menina parece que nasce sabendo que terá a responsabilidade de alegrar, suavizar e colorir a vida.

(Autor desconhecido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *